Red Hot Chili Peppers – Freaky Styley (1985)

Em 1985, logo no início do ano, um grupo chamado USA For Africa, composto por…

Red Hot Chili Peppers – The Red Hot Chili Peppers (1984)

Uns muito jovens Red Hot Chili Peppers anunciam-se ao mundo cheios de funk enérgico mas ainda sem as canções que fariam deles gigantes.

8/10
Jana Pochop – The Astronaut (2022)

The Astronaut é o mais recente álbum da norte americana Jana Pochop. E se a…

The Stooges – The Stooges (1969)

The Stooges é um marco desse longíquo ano em que Armstrong pisou o solo lunar. Nada foi igual desde então.

7.5/10
Drug Couple – Stoned Weekend (2022)

É com muito prazer que se ouve Stoned Weekend. O sabor de uma certa América…

6.5/10
Eels – Extreme Witchcraft (2022)

Mago, sacerdote de bons e belos feitiços, Mark Oliver Everett e os Eels estão de…

7.5/10
Goodbye, ÖLGA – Goodbye, ÖLGA (2022)

É de salutar haver bandas a fazer a prova de vida que o rock precisa, em Portugal é um género algo descurado nos últimos tempos havendo poucas bandas a ajudarem na frente de “combate”.

Tangerine Dream – Electronic Meditation (1970)

Electronic Meditation é um dos mais importantes discos da riquíssima história da música dita eletrónica.

7.5/10
Big Thief –  Dragon New Warm Mountain I Believe in You (2022)

No seu quinto disco, os Big Thief procuram explorar todas as potencialidades da sua música. Vão do country, ao rock, ao indie e até ao trip-hop.

8/10
Moreno Veloso – Every Single Night (2022)

Every Single Night é um acontecimento que muito deve à clausura da pandemia em que ainda vivemos. O disco compõe-se de versões muito especiais de variados temas onde apenas encontramos voz, as cordas de um violão e uma pitada enorme de bom gosto.

Rita Vian – Caos’a [EP] (2021)

Rita Vian é uma das mais promissoras artistas nacionais. O EP Caos’a é uma lufada de ar fresco na música que se faz em Portugal.

8.5/10
Vanishing Twin – Ookii Gekkou (2021)

Ookii Gekkou é um título estranho, como estranho (mas aliciante) é o que no disco se escuta. Ao terceiro álbum, os Vanishing Twin voltam a não desiludir. É, acreditem, uma pequena e inquietante maravilha sonora.

Fausto – Por Este Rio Acima (1982)

Tanto tempo depois, Por Este Rio Acima continua o que sempre foi, uma obra absolutamente incrível de um músico genial, no seu topo de forma.

Foo Fighters – Foo Fighters (1995)

Neste primeiro álbum, Grohl mostrou uma habilidade notável para equilibrar melodia e caos.

Peter Baumann – Trans Harmonic Nights (1979)

Peter Baumann ainda hoje está vivo e ativo no mundo da música. Continua a fazer o seu caminho de forma assinalável, com os altos e baixos próprios da criação artística.

Moebius & Plank – Rastakraut Pasta (1980)

Rastakraut Pasta é um álbum relativamente curto. Trinta e cinco minutos, e está feita a farra.

José Afonso – Galinhas do Mato (1985)

Como se despede um génio? O derradeiro álbum de José Afonso, Galinhas do Mato, é a resposta bonita à pergunta triste.

José Afonso – Ao Vivo no Coliseu (1983)

A despedida de Zeca, já debilitado pela doença, dos palcos, numa noite de lágrimas e vozes ao alto.