Tiago Crispim
50 Articles0 Comentários

Passou a infância e juventude rodeado de discos. Lembra-se de chorar quando foi vendida a colecção de vinil lá de casa, no advento do cd, e ainda está ligeiramente traumatizado. Estudou comunicação e aos 25 anos começou a arranhar guitarras e teclas. Anda com a cabeça nas nuvens do FM.

David Bruno – Raiashopping (2020)

Todas as canções se relacionam com passar a infância na raia.

Bon Iver lança AUATC

“AUACTC” ou Ate Up All Their Cake, é o primeiro single de Bon Iver em 2020, apesar da participação da banda numa canção do novo álbum de Taylor Swift. A canção tem uma mensagem anti capitalista e em comunicado, Bon…

Sérgio Godinho celebra 75 anos em palco

No próximo dia 31 de Agosto, Sérgio Godinho festeja o seu 75º aniversário na companhia de amigos e fãs no palco do Teatro Maria Matos.

Benjamim apresenta segundo single para Vias de Extinção

Benjamim apresenta o segundo single para Vias de Extinção, álbum com lançamento para depois do verão.

Best Youth lançam Never Belong

Os portuenses Best Youth editaram o primeiro single do seu próximo trabalho.

Banda do Casaco – Dos Benefícios Dum Vendido no Reino dos Bonifácios (1975)

Em 1975 os ambientes progressivos alastravam pelo país. Dos Benefícios Dum Vendido no Reino dos Bonifácios é surrealista, pop e profundamente português.

Glockenwise reinventam “Heat” com Rui Reininho

Rui Reininho dá a voz na mais recente canção dos Glockenwise, uma reinterpretação de “Heat”, o primeiro sucesso da banda de Barcelos, no longínquo ano de 2015.

Throwing Punches, uma agência de “pêlo na venta”

Numa conversa fluída a três, Rita Sedas e Diogo Barbosa abriram as portas da Throwing Punches ao Altamont.

Sparks – Kimono My House (1974)

Kimono My House marca o caminho que os irmãos Mael seguiriam a partir daqui, com muito falsetto e estilos diferentes.

Prefab Sprout – Steve McQueen (1985)

Steve McQueen junta as letras de Paddy McAloon à produção de Thomas Dolby para criar um clássico de sofisticação.

:papercutz – King Ruiner (2020)

Em King Ruiner papercutz está (estão?) melhor que nunca. O disco vai-se revelando aos poucos e leva-nos por um constante processo de descoberta de camadas sonoras. O projecto liderado por Bruno Miguel parece mais confortável com os ambientes electrónicos, onde…

King John – All The Good Men That Did Ever Exist (2020)

King John, alter-ego do açoriano António Alves, entrega um bom disco de estreia influenciado pelo blues-rock.

The Beatles – Beatles For Sale (1964)

Quatro discos em dois anos é motivo para um visível cansaço. Neste álbum os Beatles voltam a fazer versões, começam a escrever temas mais sérios e dão passos para dominar o ambiente do estúdio.

The Beatles – With The Beatles (1963)

Neste segundo álbum os Beatles mostraram que o alarido da “Beatlemania” era justificável. Sem ser inovador, With The Beatles continua a expandir os horizontes e o nível de popularidade estratosférico da banda de Liverpool.

“Norwegian Wood (This Bird Has Flown)” – The Beatles

O ponto de viragem na escrita de canções da dupla Lennon-McCartney.

Paul McCartney – McCartney (1970)

Paul McCartney procura a sua identidade a solo como músico.

Poppy – I Disagree (2020)

Poppy é um fenómeno da internet. Criada como projeto artístico/performance musical, apresenta o seu mais recente disco “I Disagree”, altamente influenciado pelo rock japonês.

André Henriques – Cajarana (2020)

Numa altura em que vários membros de Linda Martini lançam trabalhos a solo, o álbum de André Henriques é um olhar intimista e despido nas orquestrações, em que a letra carrega toda a música. André Henriques disse uma vez em…