“Loser” – Beck

“Loser” será, para sempre, um hino da adolescência dos anos 90.

Wilco – Yankee Hotel Foxtrot (2001)

Nunca a beleza pop e a estranheza experimental casaram tão bem.

Mike Patton & Jean-Claude Vannier – Corpse Flower (2019)

Um disco no qual podemos viver vários meses, que se vai revelando a cada audição e pedindo regresso e novas descobertas.

Cage The Elephant – Social Cues (2019)

Dêmos graças por, em 2019, ainda haver bandas como os Cage The Elephant que estão cá, se não for por mais nada, é para nos salvar à guitarrada.

FIDLAR – Almost Free (2019)

Ao terceiro disco, os FIDLAR fazem o seu London Calling, diversificando estilos e instrumentos, ao mesmo tempo que mantêm a irreverência skate punk original.

Superorganism – Superorganism (2018)

Indie pop colorido e brincalhão. Sabe a calipo de morango numa noite de Verão.

Beck, meu irmão Beck: retrato do mestre da modernidade pop

A história de um “loser” que ganhou lugar cativo na história da música, seja como reciclador do lixo pop, seja como belíssimo e introspectivo escritor de canções. Um dos inventores da nossa modernidade.

Beck – Colors (2017)

Colors ataca-nos por todos os lados e entranha-se por todos os nossos poros. Não nos dá muitos minutos de descanso, e por isso mesmo deve ser vivido ao máximo. Ao máximo e com o botão do volume elevado ao ponto de…

“Colors” – Beck

“Colors” ilustra bem esta nova pele do músico americano. Mais festivo, mais pop, eventualmente mais superficial, uma amostra de um álbum que promete dividir os fãs de Beck.

“Sexx Laws” – Beck

Canção do Dia: “Sexx Laws” – Beck

Beck – Modern Guilt (2008)

Modern Guilt mostra um Beck cansado do que tinha feito até aqui, à procura de rumo, mas ainda assim sacando coelhos da cartola como poucos. Após 15 anos e dez álbuns (dos quais 7 oficiais como Beck), o cansaço é…

“The New Pollution” – Beck

Começa em ritmo de música de Natal com efeitos sonoros de desenhos animados, passa bruscamente para uma forte batida de bateria e cheia de ritmo apelando à dança, entra depois um assustador sample de saxofone a acompanhar e aquilo tudo…

Beck – The Information (2006)

Em The Information, Beck deixa entrar o mundo que sempre viveu na sua música, um caldeirão de estilos que nunca desce de um nível elevado.

“Up All Night” – Beck

Esta foi uma das primeiras músicas que Beck mostrou do novo álbum, Colors, que sai já na sexta-feira. Se o anterior Morning Phase – bonito mas por vezes secante, vencedor de um Grammy – era o sucessor directo de Sea Change, é relativamente seguro…

Beck – Guero (2005)

Mais de uma década após a estreia com Mellow Gold, Beck resolve baralhar e voltar a dar mas com uma proposta menos ousada do que os projectos anteriores. Em vez do esperado disco de ruptura, Hansen dá-nos uma espécie de Best Of.

“Mixed Bizness” – Beck

Canção do dia: “Mixed Bizness” – Beck

Beck – Sea Change (2002)

Sea Change é um disco de derrota e perda – e no meio da angústia surgem quase sempre, é sabido, obras de exceção.

“Lost Cause” – Beck

Digam o que disserem, “Lost Cause” é uma das mais bonitas canções de Beck. De sempre, acrescento. Um certo sentido de desespero dá-lhe um charme intemporal irresistível. Quando nos lembramos dela, é impossível não cantarolar “I’m tired of fighting / I’m…