Canção do dia: L’Hôtel Particulier – Serge Gainsbourg

Descansa as mãos, fuma-te antes que alguém o faça e desaparece no ar como o tabaco que chupas. Não fosse Melody, talvez o fizesses. Mas tens nos arcos das claves de fá as suas ancas e o Sol já não…

Serge Gainsbourg – Histoire de Melody Nelson (1971)

Em primeiro lugar, uma declaração de interesses: desde que conheci a sério a sua música, há coisa de quatro ou cinco anos, que vivo obcecado com Serge Gainsbourg. Comprei os discos todos, li livros, ouvi versões. Acho-o provavelmente o maior…