Manu Chao – Clandestino (1998)

Um disco de Verão, cheio de boas vibrações caribenhas e uma névoa forte de marijuana a sair das colunas de som.

Manu Chao regressa e logo com três novas canções

Há dez anos que não se ouvia uma música nova do francês

Marvel Lima – Marvel Lima (2016)

MAR-VEL-LI-MA. Decorem já o nome esquisito que estes putos de Beja são maravilhosos. A sua essência é o rock psicadélico vintage, mas, em vez de serem mais um clone dos Tame Impala, têm uma identidade muito própria, temperando a viagem psicotrópica com funk e sabores latinos.