Guns N’ Roses: a banda gigante que o mundo esqueceu

Eu Judas Iscariotes me confesso. Porque amei os Guns desalmadamente na minha adolescência e depois os traí por trinta dinheiros. Dêem-me uma corda e uma velha figueira, não sem antes vos contar a minha torpe história. O meu primeiro concerto…

Guns N’ Roses – G N’R Lies (1988)

Em 1987, Appetite For Destruction fora um retumbante sucesso. Agora, volvido um ano, era preciso pôr depressa um disco cá para fora, sob pena do burburinho esmorecer. Os Guns tinham acabado de gravar quatro temas acústicos, pelo que alguém da Geffen…