Capitão Fausto – Capitão Fausto têm os Dias Contados (2016)

A música como escapismo nunca me disse nada. Enganar os tolos com pão e circo é um costume tão antigo como degradante. Se não for para mergulhar de cabeça na tragédia humana, então não vale a pena. Talvez por isso…

Love – Forever Changes (1967)

Há mais que pretextos para ouvirmos este disco muitas vezes sem nunca nos fartarmos. Ele não é nem indie, nem rock, nem pop, nem jazz, é simplesmente Forever Changes, um dos melhores discos de sempre da história a par de Sgt. Pepper ou Pet Sounds. Obrigatório!