Alexandre Pires
581 Articles0 Comentários

Nasci em terras de Vera Cruz, decorria ainda a década de 70. De pequenino me apercebi que estava destinado a grandes feitos e quis desde logo deixar a minha marca, começando por atravessar o Atlântico a nado. Dessa experiência guardo sobretudo água salgada nos ouvidos, água essa que me impediu de dar ouvidos ao meu pai que queria fazer de mim engenheiro. Hoje, quando me perguntam a profissão, não sei o que responder. Tenho vários chapéus que vou usando consoante a ocasião, desde economista proeminente a futebolista de sonho, de crítico de música amador a empreendedor visionário, de tenista de meia tigela a DJ concorrido, de amante cinéfilo a pai dedicado.

The White Stripes – Elephant (2003)

Muitos não sabem, mas Elephant é já o quarto álbum dos White Stripes. Apesar de o seu predecessor, White Blood Cells ter tido já alguma atenção, foi com Elephant que a banda formada por Jack e Meg White se tornou…

Cats on Fire@Maxime – 10/09/09

O Altamont (através de 3 dos seus elementos, acompanhados de 2 groupies) marcou presença ontem à noite no Maxime para o concerto desta banda finlandesa, atraídos por 2/3 músicas ouvidas no YouTube e recomendação de amigos, aproveitando assim uma boa…

Altamont Recomenda: White Town

Esta estava mesmo mesmo lá no fundo e foi trazida à tona pelos Cats on Fire no concerto de ontem. O vocalista disse que ia fazer uma cover de uma música inglesa, de 1997, dos White Town, “Your Woman” but…

“Blue Skies” – Noah and The Whale

O novo dos Noah & The Whale – The First Days of Spring – já roda cá em casa (no carro, para ser mais preciso) e esta fez-me voltar atrás e ouvir novamente. Podem fazer o mesmo. Carreguem no play…

Música na Internet

Este post já vinha sendo pensado há algum tempo e vê agora finalmente a luz do dia. E de onde surge o post? Surge de uma perspectiva minha relativamente aos sites de música em Português existentes – são maus de…

“It’s Allright” – Ölga

Muita atenção a isto, porque vai finalmente ganhar a atenção merecida. Os Ölga, banda de Lisboa formada em 2001 e que desde então já conta com um EP, “Ö” (2004) e um álbum, “What Is” (2005), lançaram ontem o seu…

The Killers – Hot Fuss (2004)

Hot Fuss é mais um álbum que se insere no movimento que falei no post anterior, ressurgimento do rock britânico, 2004/2005 (e ainda mais álbuns virão daqui…). Parece estranho dizer isto, tendo em conta que é uma banda originária de…

Maxïmo Park – A Certain Trigger (2005)

A Certain Trigger é o álbum de estreia dos Maxïmo Park, banda que se inclui na onda do tão propalado ressurgimento do rock inglês, que se deu nos anos 2004/2005, e que se insere no actual rótulo indie rock. Foi…

“Nobody Loves Me and Neither Do I” -Them Crooked Vultures

Vêm aí os Them Crooked Vultures, a banda formada por Josh Homme, Dave Grohl e John Paul Jones!

“Freak Train” – Kurt Vile & The Violators

E para encerrar a semana, nada como um tesourinho que me parece bem precioso, e que me deixa mesmo a pensar que o SXSW é mesmo o festival a ir… Carregando no play no vídeo abaixo terão acesso ao som…

Bill Callahan – Sometimes I Wish We Were an Eagle (2009)

O disco fala-nos ao ouvido de amizade, de paixões, de fé em Deus, da vida na forma de um ancião, que já viu, já experimentou e partilha agora as suas vivências com os restantes comuns mortais.

“Red Right Hand” – Arctic Monkeys

Estou convencido. Vem aí mais um excelente álbum de Arctic Monkeys. E convencerem-me com uma cover que infelizmente só estará presente na edição japonesa, mas de qualquer forma acho que está muito boa. Aqui vos deixo a evidência, “Red Right…

Covers

Hoje quero colocar em cima da mesa um tema interessante – as covers. Acho que é um tema que gera opiniões contraditórias, discussões acesas e que não levam a lado nenhum, portanto de muito interesse para este blog. As covers.…

Les Paul (1915-2009)

O pai da guitarra eléctrica, Lester William Polsfuss, mais conhecido como Les Paul, faleceu ontem nos EUA, com 94 anos. Foi um inovador no seu tempo, ao desenvolver por si próprio, em 1939, uma guitarra eléctrica, que viria posteriormente a…

“I Became A Prostitute” – The Twilight Sad

Um bom som, esta “How I Became a Prostitute”, dos Twilight Sad. Trata-se do single de avanço do seu segundo álbum, Forget The Night Ahead, que será lançado em Outubro e parece-me um excelente aperitivo desta banda escocesa. A manter…

Paredes Coura 09

Tardou um pouco, mas finalmente aqui fica a reportagem dos enviados especiais do Altamont ao Paredes de Coura 09. Foi um ano um pouco atípico para este festival, uma vez que, sem patrocinador principal, terá sido uma tarefa bem mais…