Reportagens

Arctic Monkeys – Campo Pequeno – 03.02.2010

Comentários (7)
  1. Frederico Batista diz:

    É por isso importante comprar o bilhete imediatamente após se saber a data do concerto. Eu sei que nem sempre dá, seja por questões de tempo ou financeiras mas são sacrifícios que se têm que tomar. Este concerto foi imperdível, dos melhores qu vi nos últimos meses.

  2. CristinaPinto diz:

    Pá também sou a favor de concertos em salas mais ”reservadas” e isso, até porque o som e o ambiente acabam por ser diferentes. O meu problema foi já não conseguir bilhete para a plateia e depois acabei por achá-la pequena, a razão pelos bilhete terem esgotado depressa. Mas pronto, seja na bancada ou na plateia, estive naquele grande concerto.

  3. Vasco diz:

    não faz muito sentido comparar os monkeys com samurais tipo hendrix ou zep…
    Mas que são uma boa banda, são. Os blur desta geração…

  4. Frederico Batista diz:

    Acho que não os concertos não devem ter demasiada gente ao ponto de se tornar quase impessoal. Concertos em salas como o Atlântico fazem-me não querer ver bandas ao vivo. Para mim ou é uma sala tipo Coliseu ou então um concerto de verão em estádio ou recinto de festival. Mais não, por favor.

  5. CristinaPinto diz:

    Pá digam o que disserem, os Arctic estiveram mesmo bem nesta grande noite. Casa cheia, apesar de achar o espaço mínimo para acolher este tipo de concertos, visto que esta banda é uma das que tem mais seguidores em Portugal. O alinhamento esteve bom, apesar de faltarem algumas musicas dos albuns anteriores. Mas apesar de tudo, foi um grande concertão! =)

  6. Frederico Batista diz:

    Não acho que as novas músicas sejam mais melódicas ou com menos exuberância rock. São mais instropectivas e mais dark mas são rock. Já não é o Rock mais punk dos discos anteriores. Os putos não são nem serão os Led Zep, Sabbath ou Jimi mas têm qualquer coisa neles e este concerto demonstrou. Esperamos um quarto disco ainda melhor. Bom artigo Du e grandes Fotos.

  7. Estes meninos ainda tem de comer muita farinha Maizena para chegar aos calcanhares dos Zeppelin, Sabbath e Hendrix!
    Por enquanto ainda não passam de promessas…

Escrever resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *