Canção do dia

“Chequeless Reckless” – Fontaines D.C.

Não é fácil descobrir de onde é que surgiu a expressão Rock Is Dead (ou o Rock está morto). Mas que foi uma expressão que pegou e que há muitas pessoas que a adoram, é um facto.

Principalmente as pessoas que preferem Pop, Hip-Hop, EDM e afins. É também uma expressão que os defensores do Rock detestam. É difícil de descobrir a origem e quando foi proferida pela primeira vez, mas a expressão existe já há muitos anos. E se é verdade que alturas houve em que o género esteve em dificuldades, mentira é dizer que o Rock já esteve morto ou que alguma vez estará. Haja ou não mais apreciadores doutros géneros, o que interessa para o Rock é que, para quem está atento, há sempre novos embaixadores a surgir. Como é o caso dos Fontaines D.C.

Este quinteto oriundo de Dublin acabou de lançar o seu álbum de estreia, intitulado Dogrel. A banda tem sido altamente elogiada por todos os meios entendidos mas não façamos deles os salvadores do Rock, primeiro porque é uma responsabilidade insensata e segundo porque o Rock não precisa de ser salvo por ninguém. O Rock nunca esteve em risco porque todos os dias vêm aparecendo novos embaixadores. E quando trazem este talento, podemos ficar descansados.