Filipe Garcia
31 Articles0 Comentários

FG, bicho de letras e de muitas ondas sonoras, cresceu convencido que quanto mais pesado melhor era o rock, mas descobriu a luz quando lhe apresentaram o Jazz, e os blues. Gosta de instrumentos, mas aceita a ocasional electrónica, odeia indies, com mais sentido de moda que musical, e gosta de bandas que resistam ao teste do tempo: um single durante o verão não chega!

All hail, Dave Grohl

Cumpriu 23 anos esta semana, o Nevermind. O maior de todos os discos dos idos 90, o pontapé de Seattle no Mundo e afinal só o resultado das tardes de três desorientados rapazes em estúdio. Chris Novos…